Make your own free website on Tripod.com
Alcobaça

Alcobaça um concelho do distrito de Leiria com uma forte tradição histórica.

Nela, pode-se recuar até ao período Celtibéro mas foi com a ocupação romana que nasceu a povoação.

Esta ocupação romana na região de Alcobaça pode ser observada, através dos vestígios encontrados, na estação arqueológica de Parreitas, situada na freguesia do Bárrio.

Alcobaça deve o seu nome à ocupação árabe que deixou em vários locais do concelho uma toponímia própria (ex. Alfeizerão, Aljubarrota, etc.) contudo, a sua fama deve-a sobretudo ao seu magnífico mosteiro, fundado por D. Afonso Henriques que fez grandes doações à ordem de Cister. Esta ordem religiosa de origem francesa foi uma pedra muito importante no desenvolvimento cultural, social e económico da região de Alcobaça daí que os reis da primeira dinastia fossem concedendo cada vez mais privilégios que se traduziam, na prática, à posse de um imenso território constituido por 13 coutos, Aljubarrota, Cós, Maiorga, Évora de Alcobaça, Turquel, Alvorinho, Pederneira, Celas, Alfeizerão, S. Martinho, St.ª Catarina, e Paredes.

Para além do Mosteiro, Alcobaça, sede de concelho, tem ainda a Igreja da Misercórdia e o Museu do Vinho. Com o tempo o casario reuniu-se à volta do Mosteiro e do enorme poder do Abade de Alcobaça. A qualidade das suas frutas, a fertilidade dos campos hortícolas da Maiorga, Cela e Alfeizerão, a beleza das suas olarias e cerâmicas, o brilho lapidado dos seus cristais ou o valor monumental do Mosteiro Cistercense de Cós foram e são chamariz para quem quer descobrir Alcobaça.

Perto de Alcobaça temos também a Benedita, Turquel e Aljubarrota, estas três freguesias têm diferentes curiosidades de interesse histórico-cultural. Perto de Alcobaça temos também a Benedita, Turquel, Aljubarrota e Évora de Alcobaça, localidades que têm diferentes curiosidades de histórico-cultural de traço manuelino e esculturas do período quinhentista. A 14 de Agosto de 1385 Aljubarrota avistou, em vale próximo, a heróica batalha que ganhou a Independência de Portugal para sempre e lançou o reino pelas mãos da dinastia de Aviz na Epopeia das Descobertas e no Renascimento. Depois de visitar estas localidades continue na Rota do Sol que o vai levar à praia e à baía encantado de S. Martinho do Porto, aos areais dourados de Paredes da Vitória e de tantas outras praias que bordejam o também histórico, Pinhal de Leiria para finalmente mergulhar nas virtudes terapêuticas das águas das Termas da Piedade e olhar, cheio de saúde, para todo o concelho de Alcobaça desde o alto da Serra dos Candeeiros, também ela cheia de encantos naturais e de pequenos muros de pedra.


Distrito de Leiria

Questions or Comments Please E-mail: Webmaster
Copyright © 2000 Albri Software Designer. All rights reserved.